COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA

COMPRE NAS DROGARIAS LETÍCIA
DIREÇÃO ANTÔNIO CARLOS

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

sexta-feira, 30 de setembro de 2011

Bahia pode voltar a ter horário de verão em 2011


Depois de oito anos, a Bahia deve voltar a ter horário de verão. Empresários e políticos se empenham para que o estado siga o relógio adotado no sul, sudeste e centro-oeste do Brasil a partir de 16 de outubro de 2011.Em entrevista coletiva nesta quinta-feira (29), o governador Jaques Wagner disse que espera o resultado de um estudo para tomar uma decisão.

"Eu já mandei fazer um levantamento para analisar dia por dia o horário do nascer do sol do período do chamado ‘horário de verão’ e para minha surpresa em geral ele acontece 45 a 47 minutos mais cedo aqui na Bahia. Então a interferência é praticamente nenhuma no período do horário de verão. O decreto tinha que impor um horário único de verão porque é uma atrapalhação. Banco fecha mais cedo, abre mais tarde", ressaltou o governador.

Para os empresários, é importante que o horário de verão esteja sincronizado com o expediente bancário, horário de funcionamento de escritórios e sede de empresas do sul e sudeste. O setor de turismo na Bahia também avalia que ficar de fora do horário de verão prejudica o setor.

“Somos totalmente favoráveis, logicamente que nós defendemos que haja uma unidade do horário para que não haja prejuízo para outras cidades também em outros destinos do nordeste”, diz o presidente da Empresa Salvador Turismo, Cláudio Tinoco. Se a Bahia entrar no projeto, no dia 16 de outubro os relógios devem ser adiantados em uma hora. O horário de verão vai até o dia 26 de fevereiro de 2012. Informações são do G1.

Prefeito de Itapé fala da mostra do stand da cidade de Itapé na expofenita 2011





Fernando Gomes Vita fala da expofenita 2011.

Que Dia é Hoje?


Dia Mundial da Navegação
A presença humana não é apenas sinônimo de devastação. Toda a história do conhecimento segue as trilhas do mar. A navegação começou nos rios e alcançou os estuários, abrindo as portas dos oceanos para o comércio, as grandes viagens, as grandes descobertas. A origem do Brasil como nação está ligada ao mar, às habilidades dos navegantes de além-mar, aos conhecimentos das tribos litorâneas, dos caiçaras de todas as praias de armação do país. Cada um tem sua própria impressão sobre o mar. "O mar pra mim é um... um grande sonho..." Kleber Grübel, oceanólogo Projeto Nema, RS;;

Horóscopo do Dia

ÁRIES (21 mar. a 20 abr.)
Esteja preparado para escolhas de efeitos duráveis no trabalho. E não se contente com pouco, embora seja bom ser realista. Setembro termina sob um clima de decisões afetivas importantes. Um compromisso mais sério é o tema: ou sim, ou não.

TOURO (21 abr. a 20 mai.)
Seu planeta regente Vênus encontra-se hoje com Saturno, planeta das estruturas e compromissos duráveis. Ambos em Libra, conjugam suas forças. Os alvos são escolhas importantes no âmbito da saúde e nas relações com os empregados.

GÊMEOS (21 mai. a 20 jun.)
Mês termina sob a vibração sóbria de Vênus e Saturno, num encontro astral que remete a escolhas duradouras, que envolvem filhos e amores. Decidir hoje significa agir com a cabeça e respeitar a realidade, a experiência e seus limites.

CÂNCER (21 jun. a 21 jul.)
Rápido, setembro passou com altos e baixos. Para você, o dia é de mais consciência -tanto do tempo que ainda tem, como do que já foi. Escolhas feitas já não podem mais ser refeitas: Vênus e Saturno selam decisões em caráter duradouro no amor.

LEÃO (22 jul. a 22 ago.)
Certa tristeza vem mesclada hoje com a urgência de um amigo. Que amizades são relevantes para você? Um dia especial este, pois como termina um mês, acaba também um vínculo. Por escolha e por não ser mais a hora de alimentar expectativas vãs.

VIRGEM (23 ago. a 22 set.)
O peso de suas antigas escolhas -amorosas e financeiras- é mais sentido hoje. Dia de terminar e dar um fecho, olhar para trás e se contentar. Você fez escolhas realistas, que o levaram para onde está hoje. Poderia haver tempo, mas não há mais.

LIBRA (23 set. a 22 out.)
Mês termina com Vênus e Saturno juntinhos no seu signo, sinalizando momentos de definição amorosa importante. Também na área de trabalho, pode haver necessidade de se definir ou não por uma parceria. Seja o que for, escolherá consciente.

ESCORPIÃO (23 out. a 21 nov.)
Dia de decisão no plano astral. Vênus e Saturno terminam o mês conclamando você a não dar mais atenção aos fantasmas do passado. Aqueles que aparecem nas noites solitárias, sem amor. Fantasmas de um passado que precisa ir embora.

SAGITÁRIO (22 nov. a 21 dez.)
Elegância, discrição e poder de discriminar o que você quer mesmo de um amigo são os prêmios com que Vênus e Saturno brindam seu signo. É certo que alguém pode se desinteressar dessa amizade. Mas há outros, leais e firmes.

CAPRICÓRNIO (22 dez. a 20 jan.)
Marco astrológico do dia vai para Vênus e Saturno que encerram o mês com elegância, comedimento e sentido de finalização de um processo. O tempo agiu e você soube escolher. A realidade é com o que você pode contar. O resto já foi.

AQUÁRIO (21 jan. a 19 fev.)
Sonhos e revelações quase palpáveis neste finalzinho de setembro. Anote tudo, aprenda com quem é diferente e receba com sabedoria alguma recepção fria que tiver por parte de outras pessoas. Diferenças existem. Trabalhe em cima desta realidade.

PEIXES (20 fev. a 20 mar.)
Afinal, o mês terminou e parece que os fundos que você tinha poupado com alguém também acabam. Em vista disso, a conduta certa é enxugar gastos. E nem conte com parceiros! Eles não receberão bem seus pedidos de ajuda hoje. Aprenderá algo.

Manchetes dos Jornais

NACIONAIS

A Tarde
Ponte vai custar 7 bilhões

Correio da Bahia
Caramujo e meningite

Tribuna da Bahia
Ponte Salvador-Itaparica será construida em 2014

O Globo
Beltrame quer mudar formação e fiscalizar patrimônio de PMs

Folha de S. Paulo
BC prevê inflação maior, PIB menor e queda de juros

O Estado de S. Paulo
BC prevê PIB em baixa e inflação alta

Correio Braziliense
BB terá que explicar debandada de Brasília

Valor Econômico
Commodities têm maior recuo desde a crise de 2008

Estado de Minas
Ameaça ao Passaredo

Jornal do Commercio
Governador critica soltura de presos

Zero Hora
Prioridades adiadas - Projetos polêmicos esfriam na Assembleia

Brasil Econômico
Alemanha aprova fundo de resgate de € 440 bilhões para enfrentar crise

INTERNACIONAIS

The New York Times
Plano de represa para rio Irrawaddy gera série de protestos em Mianmar

La Vanguardia
Evo Morales perde apoios na Bolívia por causa do conflito indígena

Le Monde
Um balanço dos dez anos da China como membro da OMC

Der Spiegel
Projeto de novas residências coloca Israel na defensiva

International Herald Tribune
Cidades Inteligentes: dá para aumentar o QI dos serviços municipais?

ESPORTIVOS

Placar
Presidente da CBF Ricardo Teixeira é internado em hospital do Rio de Janeiro

Lance
Fica pra Colômbia! Bota tropeça no Santa Fé em casa

Gazeta Esportiva
Roberto Carlos faz coro para Neymar acertar com o Real

Jornal Marca
Adriano não vai enfrentar o Vasco

Jornal dos Sports
Kleber está fora e Valdivia retorna contra o América-MG

Marcelo Nilo corta verba indenizatória e auxílio combustível de deputados

O clima ficou pesado na Assembleia Legislativa da Bahia depois que o presidente Marcelo Nilo (PDT) anunciou que fará cortes nos benefícios concedidos aos parlamentares. A medida foi comunicada em reunião com 30 deputados, nesta quarta-feira (28), e tem o objetivo não aumentar o endividamento da Casa. A partir deste mês, os gastos com a verba indenizatória (de até R$ 29 mil para cada um) e o auxílio combustível (que pode custar R$ 6,5 mil por cabeça) não serão ressarcidos. Nesta sexta-feira (30), os pagamentos já devem vir sem o reembolso. O pedetista recorreu ao Executivo para assegurar recursos que ajudem a saldar o débito, mas ainda não obteve resposta. Nilo teria dito aos colegas que, se o governador Jaques Wagner não repassar o montante necessário para as contas, "não vai dar para pagar ninguém". A atitude criou animosidade entre os membros do Legislativo e o presidente. A principal reclamação é que há falta de transparência na aplicação orçamentária da AL-BA, como a ausência de divulgação da quantidade de funcionários contratados e de temporários (que trabalham através de contratos Reda). O orçamento de 2011 já teria se iniciado com um déficit de R$ 16 milhões – embora as despesas estivessem calculadas em R$ 314 milhões, a verba disponível era de R$ 298 milhões. Mesmo assim, a Assembleia inaugurou um novo anexo que custou R$ 17 milhões e foram gastos mais R$ 5 milhões com o mobiliário. O capricho, em época de saúde financeira frágil, contribuiu para proliferar os insatisfeitos com o repentino arrocho.

quinta-feira, 29 de setembro de 2011

1º Dama da cidade de Itapé na Bahia explica o que o público da expofenita vai ver no stand montado na feira dos municípios

A Dama de aços é empossa na assessoria política do governo de Azevedo!












Em uma solenidade concorrida no Centro Administrativo Firmino Alves, na manhã desta quinta-feira (29), a empresária Maria Alice Araújo foi empossada como nova assessora de Articulação Política do governo municipal. No ato de posse, assinado pelo prefeito Capitão Azevedo, a empresária, que preside o diretório local do Democratas (DEM), afirmou que entra na administração “para somar esforços”.
O secretário de Assuntos Governamentais, Carlos Burgos, disse que a chegada de Alice contribuirá para fortalecer o diálogo institucional do governo, afirmação confirmada pelo prefeito. “Este é um momento de grande satisfação para mim e para todas as pessoas que neste momento se unem para servir à nossa sociedade. Maria Alice vem para coordenar um trabalho político no município”, salientou Azevedo.

Segundo o prefeito, o que prevalece nesse momento é “a responsabilidade e o cuidar de Itabuna”. Ele destacou que “Maria Alice possui qualidade para tocar um projeto no qual o mais importante é preservar o interesse e o compromisso para levar Itabuna ao progresso”. Quem também fez elogios à nova assessora política foi o presidente da Câmara de Vereadores, Ruy Machado. “Maria Alice é uma mulher guerreira, vencedora e a escolha de seu nome significa um ato de maturidade política da atual gestão”, disse.

Emocionada, a nova assessora agradeceu as manifestações.“Temos um passado de luta em defesa de nossa Itabuna e de nossos cidadãos mais humildes, que não têm voz e que precisam de alguém que lute por eles. Não temos medo de lutar e temos o povo ao nosso lado nessa caminhada”, declarou. A presidente do DEM disse ainda que se une ao governo porque acredita “no prefeito Capitão Azevedo e no seu trabalho e dedicação por Itabuna e pelas famílias mais carentes”.

Obs: Coincidentemente, Maria Alice estava vestida com a cor do partido de oposição. Será que foi uma provocação.

Mais só podemos afirmar é que o governo de Azevedo ganhou forças totais para com a força de Deus e a aprovação do povo na coordenação da sabedoria e humildade de Alice entrar para história da política de Itabuna como o único prefeito a ganhar uma reeleição.

Parabéns Tia Alice!

Prefeitos, políticos, Imprensa e pessoas em focos na abertura da mostra das feiras dos municípios na noite desta quarta-feira (28.09), na expofenita